Resiliência

Resiliência significa a capacidade de se recuperar facilmente ou de se adaptar à eventos inesperados, situações difíceis e mudanças indesejadas. Num momento em que a pandemia da Covid19 atingiu o mundo todo, afetando a economia mundial e as finanças pessoais, a capacidade de seguir em frente é essencial.

A Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), considera em seu novo relatório, que a educação financeira inclui conhecimentos, atitudes e comportamentos.

A resiliência financeira individual ganha lugar de destaque, sendo considerada uma característica essencial para todas as pessoas, e é composta por seis elementos:

– Controle sobre o dinheiro: acompanhar regularmente a própria situação financeira evitando o endividamento.

– Consumo consciente: os indivíduos financeiramente resilientes consomem de forma consciente e tomam cuidado com as próprias despesas.

– Reserva de emergência: possuem uma reserva para que possam se sustentar por um período com redução ou perda total da renda.

– Déficit financeiro: capacidade de lidar com momentos em que as receitas são menores que as despesas e estar preparado para essas situações.

– Planejamento financeiro pessoal: possuir metas financeiras de longo prazo e persegui-las ativamente.

– Consciência de fraude: ter ciência que fraudes financeiras existem e que podem cruzar o seu caminho.

 

Fonte: https://www.oecd.org/financial/education/oecd-infe-2020-international-survey-of-adult-financial-literacy.pdf



Deixe uma resposta

Top